Até ao próximo dia 11 de novembro decorre o Outono Vivo 2018, que trará à Praia da Vitória nomes da literatura, do teatro, da música e de outras artes a nível nacional.

Durante 17 dias terão lugar apresentações de livro de escritores conhecidos, peças de teatro, cinema, poesia, espetáculos musicais, exposições, mesas redondas, conferências, formações e workshops de teatro.

Estarão ao dispor mais de 50 mil livros na feira do livro e, como novidade, um festival gastronómico promovido por restaurantes do concelho.

Trata-se da maior feira do livro que se realiza na Região em parceria com a ‘Papelaria 96’, fornecendo em média 20 mil títulos, de 30 grupos editoriais, destacando-se as estreias da editora Alfaguara e da Fundação Francisco Manuel dos Santos.

Na sessão de abertura inauguraram-se três exposições, designadamente ‘Hipérbole’, de Pedro Lopes, uma mostra de caricaturas de 11 escritores e poetas portugueses, entre eles Vitorino Nemésio.

Também foi inaugurada a exposição ‘Nuvens’, de Carlota Monjardino, e ‘Fragmentos de Conversas’, uma mostra de vários artistas plásticos alusiva aos vários debates do ciclo ‘Conversas às 8’, um evento de partilha e reflexão sobre temas alusivos à infância.