Flávio Soares, presidente da JSD/A, defende que o PS/A desvaloriza a criação de postos de trabalho sustentáveis na administração regional.

O PS/A “prefere manter os jovens em estágios, do que criar postos de trabalho sustentáveis na administração regional”, salientou o presidente, referindo-se ao chumbo do ‘Programa Gerações’.

“O Governo Regional prefere manter os jovens açorianos debaixo do seu jogo de incerteza do que, com a aprovação do ‘Programa Gerações’, permitir a entrada de centenas de jovens na administração regional, compensando a saída, por aposentação voluntária, de funcionários públicos com mais de 60 anos” – afirmou Flávio Soares.

O ‘Programa Gerações’ integrava-se no programa eleitoral do PSD/A e deu entrada, em 2017, na Assembleia Legislativa, projeto legislativo que foi chumbado esta semana pelo Partido Socialista e pelo Partido Comunista Português.

Flávio Soares concluiu que “aqueles que neste momento governam os Açores serão julgados, pela História, por o que fazem a uma geração inteira”, salientando que os socialistas “já sentiram que o seu reinado terá um fim”.