Créditos de imagem: Direção Regional da Juventude.

Lúcio Rodrigues, diretor regional da Juventude, defende que apoiar o festival anual de Artes ‘Walk & Talk’ é uma mais valia, dado ser sinónimo de uma aposta na criatividade e na recuperação urbana.

O diretor regional elogiou o impacto do festival mencionado não só em São Miguel, como também na ilha Terceira, razão pela qual conclui que os apoios do Governo dos Açores assumem-se “como uma aposta ganha”.

Lúcio Rodrigues relembrou que o ‘Walk & Talk’ já integrou mais de duas centenas de criadores e coletivos artísticos em residência, com vista à criação de trabalhos inéditos nos Açores.

“Contamos, em São Miguel e na ilha Terceira, com cerca de uma centena de obras visitáveis, entre pinturas e instalações, que animam as nossas cidades e que se afirmam como um verdadeiro roteiro artístico destas duas ilhas” – salientou Lúcio Rodrigues.

Na ótica de Lúcio Rodrigues, o festival fornece aos jovens açorianos a possibilidade de se afirmarem de forma criativa e artística.

“O Governo dos Açores, não apenas através da direção regional da Juventude, mas também através de outros departamentos e direções regionais, tem estado e continuará a estar disponível para ser parceiro deste tipo de projetos, importantíssimos para a juventude açoriana” – concluiu Lúcio Rodrigues.